comunicação

Notícias

28 de abril de 2014

Transporte como direito social
Proposta vai a Plenário para ser debatida

Transporte como direito social

O transporte poderá ser um direito social assegurado pela Constituição da República, com a aprovação, na última quarta-feira (23), da Proposta de Emenda à Constituição ( PEC 74/2013) pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado.Ao recomendar a aprovação da proposta da deputada Luiza Erundina (PSB-SP), o relator, senador Aloysio Nunes Ferreira (foto),(PSDB-SP), considerou que, sem transporte, não há educação, saúde, trabalho, alimentação e até lazer. "Sem transporte, a liberdade de ir e vir também fica gravemente comprometida. Impor aos mais pobres uma condenação à imobilidade, seja pelas distâncias, seja pelas tarifas, ao mesmo tempo em que os proprietários de veículos podem usufruir de todos os espaços urbanos, é algo irreconciliável com a ideia de igualdade", argumentou Aloysio.

Debates

Na fase de discussão, os senadores elogiaram a iniciativa da deputada Erundina e destacaram que a PEC vem num período em que a população brasileira clama por melhores serviços:

- Num momento em que o transporte público está em xeque, o proposta é oportuna, pois os brasileiros precisam de condições mais humanas e adequadas de conforto. Não por acaso, as manifestações de rua se iniciaram por conta do descontentamento geral com o preço e qualidade dos serviços - afirmou Antônio Carlos Valadares (PSB-SE).

Na CCJ, os senadores concordaram em aprovar calendário especial de tramitação para a proposta. Com isso, a matéria tem seu rito de tramitação reduzido. A PEC 74/2013 ainda deve passar por dois turnos de votação no Plenário do Senado e precisa dos votos de 49 dos senadores dos 81 senadores.

Fonte: JusBrasil

Compartilhe esta notícia

últimas notícias

11 de fevereiro de 2020

CNT realiza a Sondagem Expectativas

Econômicas do Transportador 2020

07 de fevereiro de 2020

Despoluir participa de ação no trânsito

Atividade foi realizada na capital do Rio Grande do Norte

06 de fevereiro de 2020

Compromisso renovado com a transparência

SEST SENAT anuncia contratação de uma auditoria independente

MAIS NOTÍCIAS