comunicação

Notícias

02 de abril de 2013

IPI reduzido é prorrogado
Medida válida para automóveis e caminhões vai até 31 de dezembro

IPI reduzido é prorrogado

O governo prorrogou para 31 de dezembro de 2013 o valor das atuais alíquotas do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), que seriam ajustadas nesta segunda-feira (1º). A medida, válida para automóveis e caminhões, tem o objetivo de estimular o setor automotivo e toda a cadeia automobilística – autopeças, estofamento e acessórios. No caso dos caminhões, a alíquota permance em zero. Para os veículos flex e a gasolina de até 1.000 cilindradas, a alíquota subiria de 2% para 3,5% - o percentual original do IPI incidente sobre veículos de até 1.000 cilindradas é de 7%.
Para os carros flex de 1.000 a 2.000 cilindradas, a alíquota do IPI deveria passar dos atuais 7% para 9%, enquanto para os veículos a gasolina, de 8% para 10%. O governo decidiu manter as alíquotas nos atuais 7% para os veículos flex e 8% para gasolina. O IPI original desse segmento é de 11% para carros flex e 13% para os movidos a gasolina.
Para veículos acima de 2.000 cilindradas, a alíquota permanece inalterada em 25% para os veículos a gasolina e em 18% para os carros flex. Também foi prorrogada a alíquota de 2% de IPI até 31 de dezembro para veículos comerciais leves. A alíquota original nesse segmento é de 8%. De acordo com o Ministério da Fazenda, a renúncia fiscal adicional, referente aos meses deabril a dezembro, será de R$ 2,2 bilhões.

Compartilhe esta notícia

últimas notícias

22 de março de 2019

Despoluir vai atender SINDETUR e SETCERN

Convênio amplia atendimento no setor de turismo e cargas do RN

22 de março de 2019

Despoluir realiza reunião com parceiros

Encontro discutiu ações para 2019

21 de março de 2019

Vander Costa assume presidência do Sistema CNT

Confira entrevista concedida pelo novo mandatário da CNT/SEST SENAT/ITL

MAIS NOTÍCIAS