comunicação

Notícias

19 de janeiro de 2016

Grande Recife
Tarifa subiu 14,42%

Grande Recife

O Grande Recife Consórcio de Transporte conseguiu aprovar o reajuste de 14,42% sugerido para as passagens de ônibus que circulam na Região Metropolitana do Recife (RMR) durante reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano na segunda-feira (18). Com isso, a tarifa A subirá para R$ 2,80 e a tarifa B subirá para R$ 3,83. Foram 15 votos a favor e quatro pedidos de vistas. Já o representante do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) sugeriu um aumento de 32%.

De acordo com André Melibeu, diretor de operações do Grande Recife Consórcio de Transporte, os estudos foram feitos com base nos custos operacionais do setor. De acordo com a planilha elaborada pelo órgão, o percentual ideal de reajuste para suprir as necessidades do setor seria de 26,44%. Dessa forma, o valor das tarifas A e B subiria para R$ 3,09 e R$ 4,20, respectivamente. Entretanto, o Governo do Estado se comprometeu em arcar com custos com linhas alimentadoras, concessões e gastos com paradas de ônibus e estações de BRT.

Sendo assim, o valor de cada passagem cairá cerca de R$ 0,30 centavos. Segundo o governo, esse subsídio terá um custo anual de R$ 149,7 milhões por ano para o estado. A sugestão do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) foi novamente apresentada nesta segunda (18), através do presidente Fernando Bandeira Filho durante a reunião do CSTM. "O setor de transporte não é um oásis diante de toda a crise que está acontecendo no nosso país", defende, referindo-se às propostas de R$ 3,25 para a tarifa A e de R$ 4,40 para a tarifa B.

Após a reunião, o presidente da Urbana-PE se comprometeu em trabalhar junto ao Governo e à Prefeitura do Recife para melhorar o nível do serviço. "Nós vimos que o Governo se sensibilizou e vai subsidiar R$ 149 milhões, o que é louvável. Agora vamos trabalhar junto a esses órgãos para ampliar as faixas exclusivas", explica. Até o fim de 2016, o presidente da Urbana-PE também se comprometeu em renovar 200 veículos das frotas.

Fonte: Jornal do Comércio/PE

Foto: Amanda Miranda JC/Trânsito

Compartilhe esta notícia

últimas notícias

23 de outubro de 2019

Piora a qualidade das rodovias brasileiras

Pesquisa CNT de Rodovias indica que 59% da extensão avaliada apresenta problemas

23 de outubro de 2019

Fetronor realiza reunião com técnicos

e coordenadores do Despoluir em Natal

21 de outubro de 2019

Frente Parlamentar Mista apresenta emenda

para criação do Fundo Nacional de Financiamento do Transporte Público

MAIS NOTÍCIAS