comunicação

Notícias

27 de junho de 2016

Eudo Laranjeiras
Defende transporte público

Eudo Laranjeiras

O presidente da Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Nordeste, Eudo Laranjeiras, voltou a defender a necessidade de transporte público ser visto por alguns usuários e motoristas não como um problema, mas uma solução, sobretudo para a sociedade. Para ele, a medida que se der prioridade ao transporte público, destinando-lhe corredores exclusivos, onde os ônibus não tenham que disputar espaço com o caos que é o trânsito atual, se terá um transporte de qualidade.

"Hoje somos taxados de culpados, mas somos apenas operadores, não cuidamos do trânsito, o que falta é prioridade dos gestores", esclareceu, lembrando que a Fetronor tem buscado incessantemente levantar os problemas, conscientizar e levar aos gestores essa necessidade. Nesse sentido, ele citou o fato de 70% das pessoas se deslocarem de ônibus, mas no momento em que uma das faixas é tornada exclusiva para ônibus, há quem reclame de "direito" retirado.

Erro histórico

Para Eudo, o que está sendo reclamado na realidade é um privilégio, pois um automóvel leva em média 1,2 pessoas, enquanto um ônibus transporta um número muito maior de pessoas e evita a circulação de 50 a 60 automóveis na rua. Sobre as faixas exclusivas, que têm proporcionado aumento de 20 a 30% na velocidade dos ônibus, ele considerou ainda mais eficiente a implantação de corredores.

"Ninguém é contra as pessoas terem automóveis, que só deveriam ser utilizados nos fins de semana, em casos de urgência e necessidades e não durante deslocamentos no dia-a-dia, em flagrante erro histórico. O que adianta é priorizar, como se faz no primeiro mundo, o transporte público", argumentou.

Durante habitual participação no Seminário Cidade Expressa recentemente realizado na cidade de Campina Grande, Eudo Laranjeiras destacou o significado de se debater a problemática do transporte junto a sociedade e o meio acadêmico. "Precisamos de todos unidos, a sociedade organizada tem que estar presente e mostrando a necessidade de melhorar a qualidade do transporte, priorizando-o, pois na hora em que isso é feito ajuda a cidade como um todo", disse.

Despoluir - Por fim, Eudo mostrou-se gratificado com a crescente receptividade das empresas, órgãos ambientais e universidades ao Programa Ambiental do transporte Despoluir desenvolvido pela Fetronor. "Estamos mostrando a contribuição dos empresários contra um outro caos nosso, que é a poluição, que o caos no trânsito tanto provoca, trabalhando muito forte nisso e melhorando todos os anos os resultados", concluiu.

Compartilhe esta notícia

últimas notícias

05 de dezembro de 2019

Fortaleza tem serviço de transporte coletivo por aplicativo

Serviço não tem rota fixa, oferece conforto e preço acessível

04 de dezembro de 2019

Simulador previdenciário da CNT

Trabalhador poderá calcular o tempo para se aposentar e o valor do benefício

02 de dezembro de 2019

Diagnóstico Socioambiental será entregue no dia 9

Despoluir vai reunir em Natal as empresas do RN

MAIS NOTÍCIAS