comunicação

Notícias

28 de março de 2018

Escola de Motoristas
do SEST SENAT

Escola de Motoristas

Para aumentar a empregabilidade, a qualidade dos serviços prestados à sociedade e a segurança no trânsito, o SEST SENAT amplia o projeto Escola de Motoristas Profissionais. Ao todo, 10 mil novas oportunidades foram disponibilizadas para motoristas habilitados nas categorias D e E que atuam nos setores de cargas e de passageiros.

O número de cursos também cresceu. Em 2018, a Escola de Motoristas Profissionais passou a ofertar cursos especializados e atualizações relacionadas ao transporte rodoviário, regulamentados pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito). No segmento de cargas, o projeto agora contempla, além do treinamento para o transporte de produtos perigosos, o de cargas e o de cargas indivisíveis. No segmento de passageiros, foi incluído o curso específico de transporte escolar. Em todo o Brasil, 84 Unidades Operacionais do SEST SENAT oferecem os treinamentos do projeto.

Clique aqui para saber mais sobre as Unidades ofertantes do projeto Escola de Motoristas Profissionais.

Para a diretora-executiva nacional do SEST SENAT, Nicole Goulart, a ampliação da oferta de vagas e de cursos demonstra como a instituição se mantém atenta às necessidades do mercado de trabalho em relação à capacitação dos trabalhadores do transporte. "Ser um motorista profissional vai muito além de ter uma habilitação. É preciso ter conhecimento teórico e técnico. É isso que a Escola de Motoristas Profissionais do SEST SENAT oferece. Nosso trabalho está diretamente voltado para a questão da segurança no trânsito e a redução de custos no transporte."

Os conteúdos alinham teoria e prática e trabalham temas como visão sistêmica do setor de transporte, condução segura e econômica, transporte de pessoas com deficiência, relacionamento interpessoal e ética no trabalho, procedimento de engate e desengate de semirreboque e análise e leitura de tacógrafo. Desde outubro de 2016, quando a Escola de Motoristas foi lançada, é possível perceber uma redução de 29% da incidência de erros ao dirigir e de 9% de economia de combustível depois dos treinamentos práticos.

O instrutor da unidade de Campo Grande (MS), Emerson Luciano, ressalta que o rápido avanço tecnológico dos veículos de cargas e de passageiros têm exigido profissionais cada vez mais qualificados e, nesse sentido, o projeto do SEST SENAT garante destaque aos profissionais que participam dele. "Com a enorme concorrência no mercado de trabalho, um motorista qualificado se destaca e sai na frente dos demais. A grade curricular dos cursos ultrapassa a questão operacional. Isso é um diferencial na hora da seleção de um profissional."

Luciano ainda frisa a questão dos benefícios para as empresas ao selecionarem profissionais bem treinados e atualizados em relação às necessidades do mercado. "Um motorista bem qualificado traz diversos benefícios para a empresa, pois pratica o correto manuseio dos veículos e dos demais componentes, como os pneus, o consumo consciente de combustível, desonerando o custo operacional e consequentemente alavancando a rentabilidade da empresa."

Foi exatamente isso que despertou o interesse do Grupo Chibatão, que atua no segmento de transporte de cargas em Manaus (AM). De acordo com a assistente de recursos humanos, Valéria Sabino, a empresa procura dar preferência por contratar motoristas que realizam treinamentos no SEST SENAT. "A expertise da instituição confere ao profissional um selo de qualidade. Ao contratarmos motoristas, sempre procuramos aqueles que fazem os cursos do SEST SENAT, porque sabemos da referência que a instituição é em termos de treinamentos e qualificação. Os treinamentos vão ao encontro do que a empresa necessita em termos de segurança e economia".

Segundo Valéria, o Grupo Chibatão contratou mais de 300 motoristas que tiveram, em seus currículos, treinamentos do SEST SENAT e cita o exemplo dos candidatos à vaga de motorista carreteiro, que largam à frente dos concorrentes por possuírem treinamentos da instituição. "Os motoristas já vêm com um comportamento melhor na parte operacional e na postura profissional. Temos a garantia de contratarmos os melhores profissionais para o setor", ressalta ela. Mateus Gonzaga da Silva, motorista do transporte de cargas em Manaus (AM), é um exemplo disso. Ele destaca que o curso oferecido pelo SEST SENAT o recolocou no mercado de trabalho. "Eu troquei a minha habilitação da categoria B para a categoria E com a ajuda do SEST SENAT, em um outro projeto. Logo depois, participei da Escola de Motoristas e consegui uma recolocação no mercado. Já estou no emprego há quase um ano."

Segundo Silva, os treinamentos foram essenciais para a manutenção dele no atual emprego. "As empresas exigem hoje um profissional que esteja atento à questão da economia e da manutenção do veículo e que pratique uma direção mais técnica. Isso só se aprende com treinamento. Com os cursos, a gente muda a nossa visão da profissão", ressalta.

Tecnologia

A Escola de Motoristas oferece aulas teóricas e treinamentos práticos em veículos com tecnologia embarcada, onde os alunos têm a oportunidade de testar os conhecimentos recebidos em sala de aula por meio de manobras e circuitos de condução nas condições reais encontradas nas rodovias e nas vias urbanas. Para os treinamentos práticos, o SEST SENAT dispõe de veículos próprios, entre ônibus e caminhões, em algumas Unidades, e ainda mantém uma parceria com a Mercedes-Benz, que disponibiliza caminhões.

Aluno do curso de produtos perigosos na unidade Jardim Vitória, em Belo Horizonte (MG), Amilton Gonçalves Pereira afirma que principalmente as aulas práticas fizeram ele mudar o comportamento enquanto motorista. "Tive uma mudança de consciência e de postura como condutor. Depois dos treinamentos, no nosso dia a dia, a gente lembra do que aprendeu na sala de aula e automaticamente atua de forma melhor e mais segura. Por isso, toda vez que eu puder fazer um treinamento para melhorar como profissional, irei fazer", finaliza.

Para participar da Escola de Motoristas, os interessados devem ter mais de 21 anos de idade, possuir CNH (Carteira Nacional de Habilitação) na categoria D (para o curso de motoristas de ônibus) ou E (para o curso de condutores de caminhão) e residir na área de abrangência da circunscrição regional de trânsito correspondente à unidade operacional do SEST SENAT onde cursarão os treinamentos. Os motoristas contribuintes do SEST SENAT terão prioridade na seleção.

Saiba mais:

Requisitos para inscrição

- Ser motorista profissional habilitado nas categorias D ou E

- Ter mais de 21 anos de idade na data de inscrição

- O candidato somente poderá se inscrever na unidade do SEST SENAT localizada na área do Detran em que a CNH for válida

Unidades participantes do projeto

- São 84 Unidades participantes em todo o país. A lista completa com os endereços pode ser acessada em www.sestsenat.org.br/Paginas/escola-motoristas

Cursos

- Transporte de cargas

Motorista Profissional de Veículos de Transporte de Produtos Perigosos

Motorista Profissional de Veículos de Transporte de Cargas Indivisíveis

Motorista Profissional de Veículos de Transporte de Carga

- Transporte de passageiros

Motorista Profissional de Veículos de Transporte Coletivo de Passageiros

Motorista Profissional de Veículos de Transporte Escolar

FONTE: SEST SENAT

Compartilhe esta notícia

últimas notícias

13 de junho de 2018

SEST SENAT investe em unidades sustentáveis

Expansão deve chegar a 200 unidades instaladas até 2019

11 de junho de 2018

Projeto Qualificação de Cobradores

Mais duas cidades abrem inscrições

08 de junho de 2018

PROJETO DE LEI DE INCÊNDIO A ÔNIBUS PODERÁ

SER VOTADO EM CARÁTER DE URGÊNCIA NA CÂMARA

MAIS NOTÍCIAS